Mês: dezembro 2014

Para muitos, conciliar as compras de fim de ano com o orçamento pessoal pode ser um desafio

A.J. Oliveira Com a chegada do final do ano, surge para muita gente uma preocupação a mais: é este o momento de ir às lojas e fazer algumas compras especiais, seja para o uso pessoal ou para presentear familiares e amigos. E o que representa um bônus financeiro para os lojistas, para vários consumidores pode ajudar a criar um certo aperto financeiro. O locutor Romário Dias, de 21 anos, vai usar a época para comprar roupas novas e alguns presentes. Porém, ainda que goste de tudo isso, ele percebe que esse consumo funciona como uma obrigação nos dias de hoje. “Meu orçamento está estourado”, reclama. “E você tem que comprar presente para a família toda também, não é?”. Assim, Dias identifica um problema maior nessas “inocentes” comprinhas de fim de ano. “A gente acaba de alguma forma sendo vítima do capitalismo”, diz. “Não acho ruim ter que dar presentes ou ser presenteado, mas isso parece ter se tornado uma imposição nos nossos dias, sobretudo nesses períodos… Algumas celebrações importantes acabam sendo desvirtuadas pela propaganda, a filha do capitalismo”. A estudante Mayra Rocha, de 19 anos, teve que encarar o centro da cidade na véspera de natal, sendo obrigada a lidar com o pouco tempo que tinha. Isso porque nos dias seguintes ela participaria de três confraternizações e precisava comprar presentes de amigo oculto e roupas para usar nessas ocasiões....

Read More

O centenário da Santa Casa

  João Melo Criada em 8 de dezembro de 1914, a Santa Casa de Misericórdia de Vitória da Conquista, encerrou na noite de sexta-feira (19) o seu ciclo de comemorações pelo centenário. Os cem anos de bons serviços prestados à cidade foram comemorados com uma vasta e rica programação. Durante a noite houve o culto ecumênico celebrado pelo arcebispo metropolitano dom Luiz Gonzaga da Silva Pepeu, contando com a participação da Irmandade da Santa Casa e diversas personalidades conquistenses. Também houve uma mesa composta pela vereadora Irma Lemos e pelo vereador Ademir Abreu, pelo juiz Clarindo Lacerda, pelo médico e escritor Francisco Paulo Ribeiro Rocha, pelo professor Ruy Medeiros e pelo provedor da Santa Casa, Abmael Brito. Em seguida aconteceu um coquetel com convidados. “Cem anos, isso é importante. Um feito histórico, cem anos de existência, isso me deixa muito alegre e satisfeito em poder estar contribuindo com essa instituição de caridade”, comemorou Abmael Brito. A Santa Casa nasceu a partir de um testamento deixado pelo coronel Antônio Ferraz de Araújo (Catão Ferraz) demonstrando seu desejo de construir nesta cidade uma casa de caridade. O vigário Manoel Olympio Pereira (mais tarde conhecido como Monsenhor Olympio), deu início à construção, em terreno doado pela Igreja, de um pequeno hospital que seria o embrião da Santa Casa, tendo sido também o primeiro provedor da instituição, seguido do médico Crescêncio Antunes da...

Read More

Em sua 18ª edição, Natal da Cidade ganha elogios do público

A.J. Oliveira Artistas locais e nacionais se apresentaram para o público conquistense entre os dias 19 e 25 de dezembro como parte da programação do Natal da Cidade. No Centro Glauber Rocha – Educação e Cultura, cujo palco serviu de espaço para a programação principal do evento, milhares de pessoas assistiram aos shows de artistas como Paulinho da Viola, que cantou sambas clássicos do seu repertório, e o grupo The Fevers, que trouxe vários sucessos dos seus quase 50 anos de carreira. A avaliação dos espectadores para esta 18ª edição do evento parece ter sido predominantemente positiva. “Tenho o maior respeito por este evento, onde o público pode ser agraciado com artistas que estão fora do circuito popular ou não têm muita visibilidade na região”, diz o estudante Luciano Ferraz, de 22 anos. “Este ano não foi diferente. Além do grande espaço com que a população conquistense foi agraciada, pude prestigiar o esforço da prefeitura em resgatar as manifestações populares, a valorização de artistas locais e a realização de shows de grandes nomes da música popular brasileira”. A estrutura do Centro Glauber Rocha, que sediou o Natal da Cidade pela primeira vez, foi um dos maiores motivos de elogios. “Eu acho a estrutura muito boa. (…) Com destaque para as cadeiras para o público e a grande oferta de produtos”, opina o estudante Felipe Brandão, de 22 anos. A...

Read More

Ornamentação de Natal encanta conquistenses e turistas

Celso Rios Uma das épocas mais esperadas do ano, o Natal é um momento de confraternização entre familiares e amigos. A celebração renova os votos de felicidades e os pedidos das pessoas para um ano novo próspero. As árvores de Natal, luzes de todas as cores e formas, além dos enfeites, colorem e abrilhantam ainda mais as ruas e praças da cidade. Em Vitória da Conquista não poderia ser diferente: os visitantes e pedestres podem conferir e se encantar com a iluminação de Natal preparada especialmente para o município. De acordo com o secretário de Cultura, Nagib Barroso, existe um esforço coletivo da administração do município para a população conquistense. “Na praça Tancredo Neves, iniciamos os trabalhos ainda no mês de outubro. Todos esses preparativos para garantir que a população pudesse desfrutar de uma iluminação à altura do verdadeiro sentido do Natal”, analisaBarroso. Foi revitalizado o presépio e ampliada a iluminação na praça Tancredo Neves. Já no mais novo espaço, o Centro Glauber Rocha Educação e Cultura, localizado no bairro Brasil, onde se apresentarão diversos nomes da música brasileira e regional até o dia 25, árvores de Natal com luzes foram colocados nos postes, além dos painéis decorativos com fotos dos artistas que abrilhantarão essa festa. Este ano o novo espaço para eventos na cidade recebe também o Memorial do Natal, tendo como homenageado, o escritor Ariano Suassuna, morto...

Read More

Dois mortos, um ferido e um preso em tentativa de sequestro

Um assalto ocorrido por volta de 7h30 da manhã de quinta-feira (18), em Vitória da Conquista, resultou na morte de dois bandidos. Uma médica ficou gravemente ferida. A médica Neusa Correia, até o encerramento desta edição, estava internada no Hospital Samur. A cardiologista foi vítima da ação de quatro bandidos que invadiram a casa dela, no bairro Candeias. Os bandidos chegaram num Fiat Pálio. Neusa e o filho estavam em casa no momento do assalto. Apenas ela foi amarrada e feita refém. Vizinhos ouviram a movimentação estranha e acionaram a polícia. Houve troca de tiros, e a médica recebeu três disparos nas costas. Dois assaltantes morreram, um ficou ferido e outro foi preso. Os assaltantes mortos são Murilo Souza Melo e Franklin Queiróz dos Santos. Daniel Oliveira Santos, acusado de participar da ação, está internado, e Wesley Santos Lélis foi preso e encaminhado ao presídio Nilton...

Read More