Mês: fevereiro 2015

Acidente próximo a Poções mata adolescente

  Um acidente envolvendo uma van e um caminhão matou uma adolescente de 14 anos e deixou outras oito pessoas feridas na manhã da última quarta-feira (18) no município de Poções. A colisão aconteceu no km 760 da rodovia, em frente ao posto da Polícia Rodoviária Federal (PRF). De acordo com a PRF, o caminhão-baú teria reduzido a velocidade para passar em um quebra-mola e a van, que vinha logo atrás, não conseguiu frear e colidiu no fundo no veículo. A van transportava 17 passageiros, além do motorista. Eles saíram de São Paulo com destino a Alagoas. Com a batida, a van ficou completamente destruída, e a alagoana Maria Genefy dos Santos, de 14 anos, morreu na hora. O pai da adolescente, que não teve o nome divulgado, era quem dirigia a van no momento do acidente. Segundo a PRF, ela estava no banco de trás do motorista. O condutor e duas pessoas tiveram ferimentos graves. Outros cinco passageiros ficaram levemente feridos. Os sobreviventes foram socorridos por ambulâncias do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e da concessionária que administra a rodovia. Eles foram levados para o Hospital São Lucas e para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de...

Read More

Prisioneiros fogem da delegacia de Itambé

  Dois detentos, custodiados na Delegacia Territorial de Itambé, fugiram sem despertar a atenção dos policiais e GCMs de plantão. Os fugitivos são Edson Oliveira da Silva, vulgo “Galego”, de 27 anos, e Flávio Santos Souza, 26 anos, “vulgo Flavinho”. De acordo com os GCMs, a fuga aconteceu por volta das 14h, e só foi percebida às 16h, quando iniciaram o recolhimento dos detentos, do pátio para as celas. Ainda de acordo com os GCMs, eles utilizaram de um barbante preso a um chinelo, jogaram por cima da grade instalada no teto e, após dar a volta, os detentos amarraram em uma corda, confeccionada através de lençóis, que na linguagem deles, se chama “Tereza”. Após conseguirem ter acesso à grade, serraram-na e fugiram sem serem percebidos. A Polícia Militar foi acionada, efetuou rondas nas imediações, mas não conseguiu localizar os...

Read More

Empresário assassinado no Guarani

  Foi sepultado, em Vitória da Conquista, o corpo do empresário mineiro Miguel Viana Caracas, 48 anos, que foi assassinado durante a manhã na rua Visconde de Mauá, no bairro Guarani. A Delegacia de Homicídios da 10ª Coordenadoria de Polícia do Interior investiga o caso. O motivo do crime ainda é um mistério para a polícia. O empresário, atualmente estava residindo em Itaobim, Vale do Jequitinhonha (MG), e foi assassinado a tiros, quando estacionava sua camioneta Hilux. Ele estava acompanhado do sogro, que também foi...

Read More

Preso empresário acusado de estupro e pedofilia

  Foi levado ao Distrito Integrado de Segurança Pública e posteriormente ao presídio Nilton Gonçalves, pela Polícia Civil e Guarda Municipal de Barra do Choça, o empresário Gilberto Lopes Libarino, que foi preso, por mandado da Justiça, acusado de estupro e pedofilia na vizinha cidade. Muito conhecido em Barra do Choça, ele permanece detido à disposição da justiça. Segundo a polícia, ele aliciava crianças e ainda postava fotos na internet. A pedofilia é a perversão sexual, na qual a atração sexual de um indivíduo adulto ou adolescente está dirigida primariamente para crianças pré-púberes (ou seja, antes da idade em que a criança entra na puberdade) ou no início da puberdade. A pedofilia faz parte de um grupo de preferências sexuais e refere-se por atrações sexuais fora da sua faixa de...

Read More

Mulher assassinada no bairro Guarani

Marina Oliveira da Silva, 18 anos, foi assassinada com quatro tiros durante a noite na Rua do Alecrim, bairro Guarani, em Vitória da Conquista. A polícia foi informada de que duas pessoas numa motocicleta se aproximaram da vítima e efetuaram quatro disparos. Marina morreu na hora. Quando os socorristas do Samu 192 estiveram no local, nada mais puderam fazer. Segundo a polícia, Marina tinha passagens pelas delegacias por envolvimento com o tráfico de drogas. De acordo com familiares, a vítima residia na rua Visconde de Mauá, no mesmo bairro. Nessa rua, Miguel Caracas foi assassinado dois dias antes. O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico-Legal. O bairro Guarani transformou-se num dos mais violentos da...

Read More